Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Xanalicious

Qua | 28.02.18

O VESTIDINHO PRETO PERFEITO


É uma busca eterna e sem um ponto final. Não é impossível, e talvez nem difícil, ter "O LBD". A questão é que esta peça é tão prática, funcional e pede tanto uso, que o difícil é querer ter só um. Porque, e falo por mim, dois anos é o máximo que peço para uso intenso (o último foi um compridão da H&M em malha - que agora existe na Zara muito semelhante - que uso A TODA A HORA).


Estava a dar uma vista de olhos da COS (raramente o faço, nem sei porquê - é das melhores lojas em design, qualidade e preço) e este modelo parece-me perfeito para se tornar "O" meu lbd! Comprimento, oversized qb e diferente dos que tenho no momento. Os folhitos parecem ser qb também para dar um UP sem se tornar algo cansativo.
Qua | 28.02.18

A ATERRAR NAS PRATELEIRAS: #5 NOVOS BÁSICOS

E, se é verdade que nova estação vem cheia de tendências, novidades e peças que jurámos nunca voltar a usar e - afinal!! - toca a ir ao baú buscá-las já (ou à Zara), TAMBÉM é verdade que chegam os nossos básicos reformulados.


Oi?? Comássim?? Não são básicos?

Sim, são. Obviamente! Mas os modelos, os cortes, os próprios materiais, vão evoluindo. Até as cores - já sabemos que o preto e o branco são sempre uma boa ideia. Mas não são estas as únicas cores da nossa paleta de todos os dias.


Vejamos os #5 exemplos de hoje:


As minhas queridas strappy sandals não são um "must-have" apenas em preto e nude. Umas sandálias metalizadas são obrigatórias para um conjunto de Verão super cool e actual! 
Duvido muito seriamente que este par da Uterqüe não venha comigo na próxima ida à loja (que ando a adiar exactamente por isso).

Escolham a cor do metalizado consoante o que favorece mais o vosso tom de pele (comigo são os dourados, sem dúvida).




A blusa branca - outro must eterno. Além das t-shirts e das camisas, uma blusa básica qb também é uma parte essencial de um bom guarda-roupa. 

Depois de umas quantas temporadas em modo "off-shoulder", para esta estação, as blusas querem-se com mangas com emoção!!! Folhos, efeito balão - o que mais vos agradar à vista (e ao espelho, claro). Eu fixei nesta (guess what, Uterqüe, claro!!!).




As cestinhas perdem um pouco o destaque no que toca a TENDÊNCIA OBRIGATÓRIA e mais vista do Instagram. Mas não as guardem: elas usam-se SEMPRE e ficam sempre bem e cool. 

Adiante, um filha desta tendência é este modelo da Zara que, aos meus olhos, já se tornou um clássico da marca (apesar de, como disse num post há umas semanas, ter sido originalmente um modelo totalmente copiado de outra marca). E que vai ser sempre usado! Vale a pena apostar!!




Os quimonos são um all time must-have. Vocês sabem! Compridões, vaporosos - por cima de jeans ou um vestido curtinho, o que quiserem!!

Longe da larga oferta das últimas temporadas, os quimonos querem-se básicos (preto e tons claros pastel) e com motivos orientais. Voltar à base desta peça! Este (Zara) é um dos mais bonitos que vi nos últimos tempos.




Sim, as texanas são "A" tendência. Se ainda não sabem, acreditem que vão saber (e querer parar de saber!!!). Acho mesmo que vai estar all over it!

Então, sim, estes são os novos botins. Para comprar no mood com que se identifiquem: clássicos (creme e de cano médio ou baixo) para quem quer usar sempre; edgy (brancos com a sola preta, como estes da Zara), para quem não dispensa um "look trendy".

Qua | 28.02.18

A ATERRAR NAS PRATELEIRAS: #5 TENDÊNCIAS DE PRIMAVERA

Lá fora está Inverno em pleno - felizmente!!! - mas os sites estão em modo Primavera/Verão. E ainda bem. Precisamos de nos lembrar dos muitos meses de sol e calor que chegarão eventualmente. (eu já só penso em praia)



E. claro, as novidades da temporada, as tendências! Tudo já na Zara, Uterqüe e afins - tudo super apetecível. The usual!!!

Desçam para descobrir 5 que apanhei nos "New In":


Victoria Beckham desfilou aquele que se viu logo que iria ser um it da temporada quente: sapatos (e mules) em glitter. A Zara já está em mood full - gostei dos slingbacks, mas gostei ainda mais das botas de cano médio (Chanel de há uns desfiles atrás).




As culottes transitam, mas querem-se em ganga. Está mais do que visto que este é "O" modelo a apostar. Ainda não acredito que o flare fez MESMO um comeback!!!




A Céline desfilou umas botas (há 2 anos, creio), meias texanas, meias edgy. E, desde aí, temos andado aqui num "vai-e-volta" das texanas. Pois bem, à semelhança das calças flare, temos um comeback total. Ora.... E, claro, isto escala logo para declinações - como mules texanas.

Sim ou não? (para mim, um não total, btw)




A saia-midi plissada volta em todo o seu esplendor (LOVE IT) - mais fina, mais fluída, cheia de movimento, de cores e padrões. É para apostar!!


Qua | 28.02.18

DARK BLUE


Ultimamente, o azul-escuro é um novo preto na minha rotina!

Seja para misturar com o preto - nos últimos anos adoro (antes detestava!!) - seja com branco e bege (a minha combinação preferida) e ganga. Gosto muito da elegância inesperada desta cor, a minha peça preferida é uma camisola de malha wayyyy oversized (comprei em XL), que apanhei no final dos saldos da Ralph Lauren e que, além de ser super prática, é muito elegante. Fiquei surpreendida com o quão versátil é.


Adoro esta combinação!!! 
Ter | 27.02.18

SAIA MIDI EM GANGA: SIM OU NÃO?

Zara

Vi esta saia ser tida como uma das peças mais cool da temporada quente em vários sites. Outros, como a forma mais actual de usar uma saia de ganga. Desfilada por algumas passereles (meses antes dos respectivos artigos, claro).


Mas... NEM-PENSAR. Não dá, não consigo. 

Mini-saia? Let's go. Acrescentaram botões? Vamos a isso. Há uns anos, saia lápis em ganga (assim a direito, meio em cima do joelho - favorecia ZERO!!!)? Vá, alinho.

É mesmo MUITO difícil eu não alinhar em ganga. Por isso, vejam bem o quanto NÃO gostei desta ideia.


E vocês? 
Ter | 27.02.18

COMO ENCONTRAR O VOSSO ESTILO

Com tanta informação e inspiração constantes, tantas novidades, velocidade das tendências no máximo: são um sem-fim de estímulos, que nos levam a querer e, claro, a consumir mais mas não necessariamente melhor. Nesta fase, tudo parece mais fácil - existe oferta para todos os gostos e carteiras, mas não acho. É, sem dúvida, mais difícil percebermos o nosso estilo (e, consequentemente, o que queremos consumir).


Mas, sim, ter um estilo próprio e vincado é tudo nesta vida. Dá-nos mais confiança, é melhor, torna as nossas manhãs mais fáceis, faz do acto de vestir algo muito mais divertido! Sem contar que, igualmente importante, nos permite poupar dentro do que desejamos - ou, pelo menos, a não desperdiçar dinheiro em peças que não precisamos nem queremos!


Sigam o post:


Pesquisar, perceber os mood/vibes com os quais se identificam.

Recentemente voltei a tornar-me viciada no Pinterest. Retiro imensas imagens de lá, guardo imensas pastas no telefone, com prints de lá e do Instagram, claro. Tenho pastas em várias "plataformas" e adoro este processo de me perder em "pesquisas visuais". Mais do que tirar notas ou copiar - sabem que não é essa a minha filosofia - vejo muitas coisas, pequenos truques, e muitas ideias.

Normalmente, vemos que os estilos que nos atraem são sempre os mesmos, baseados no mesmo géneros de peças. E é esse o caminho!




Conforto ou estilo? Escolher, e comprar em consonância.

Sim, temos de escolher. Sim, existem estilos confortáveis com estilo, a questão é: estão dispostas a abdicar do conforto em prol de peças e acessórios com um certo estilo? A peça mais óbvia: os tacões!

Pegando nisto é ter sempre em mente quando compramos novas peças: se sabemos que não gostamos de abdicar do conforto, não vale a pena comprar sapatos que sabemos que não vamos dar muito uso.




Evidenciar a vossa altura ou a vossa silhueta é importante?

Esta é outra escolha que temos de fazer - eu, por exemplo, não tenho isto como prioridade, sendo fã de modelos loose, oversized e pouco cintados. Por exemplo, uma das tendências que mais deu que falar (e apareceu) nos últimos meses é o blazer xadrez. Ora, eu iria obviamente optar por um modelo com os ombros mais largos e a direito, e não com modelos cintados e mais curtos.

Outro exemplo: mom ou bf jeans! São para quem "quer cenário", e não para quem quer beneficiar a forma física. (claro que há mulheres a que qualquer trapo beneficia - mas há sempre peças que o fazem mais que outras).




Experimentem com peças baratas. 

As dúvidas acontecem, ou até mesmo a vontade de apostarmos em algo sem grandes certezas de que vai resultar - ou mesmo só vontade de contornar "as regras" em prol de uma tendências que vos parece totalmente apetecível - tudo isto é permitido (até porque sabe tão bem sair "da rotina"). Mas... Não gastem muito dinheiro com isto!



Acima de tudo, e repetindo o que disse acima, DIVIRTAM-SE com a moda. Passem a mensagem certa, sintam-se bem nesta que é a vossa segunda pele, e não pensem demasiado! 
Seg | 26.02.18

O TRUQUE QUE PRECISAMOS NUMA SEMANA DE CHUVA



O Travessão também regressa dos anos 90, mesmo a tempo de dar outra vida a esta semana CHEIA de chuva mas livre de bad hair days.


Sim, mais uma peça para roubarmos a mãe e avós (se ainda não tiverem os vossos). Eu tenho uns quantos, porque sempre gostei de ver em rabo-de-cavalo - mas a caixa de ganchos da minha mãe é mil vezes mais interessante.



Sobre a tendência do momento - é usar para prender a franja. Por isso, convém optar por modelos mais finos (e, sim, podemos até usar dois).

Atenção: sei que todas usámos esta moda na Primária, mas a ideia é FUGIR de looks infantis!
Seg | 26.02.18

OFFICE MOOD #6 LOOKS PARA INSPIRAREM ESTA SEMANA

Portanto, vamos abordar o hot topic dos últimos dias: estamos no Inverno!!! (say whaaaaat?)

Pois é, a chuva e o vento (nem tanto o frio) estão de volta e vamos ter de voltar a usar as nossas peças invernais (isto porque, se são como eu, já estava só de camisa e pouco mais). E nesta altura do ano (em que as montras já só mostram vestidos e sandálias), é ainda mais difícil vestir para o frio com novas/boas ideias, certo?

Pois bem, nada como dar um vista de olhos no street style das Semanas da Moda que estão a acontecer (Pariiisssss quase a começar!!) - Milão acabou de terminar e seleccionei #6 looks perfeitos:









IDEIAS A RETER:

- Vestir para a Primavera com um sobretudo compridão por cima.

- Lenço na cabeça: prático para a chuva e COOL (vejam mais aqui).

-  Malas à tiracolo, bem no peito ou mais abaixo, mas sempre para a frente: outra ideia prática e bem trendy (estão TODAS a usar as malas assim).

- Apostar já nos tons claros: bege e rosa a dominar!

- Misturar padrões é sempre uma boa ideia para animar qualquer conjunto, não é verdade?




BOA SEMANA!
Seg | 26.02.18

DEPOIS DOS GRANNY SHOES, OS MOM SHOES!



É sempre bom quando estamos a chegar à transição de estação e começam a surgir as peças da nova colecção - novidade, tendências que vimos desfilar e agora vemos chegar às lojas e aquela expectativa de "mudança". Eu gosto das mudanças de estação, em todos os sentidos. E, tanto em moda como pessoalmente, passar do Inverno para a Primavera é a minha transição preferida do ano! Os dias voltam a ser mais longos, deixamos os sobretudos em casa, as meias tornam-se mais finas, tudo é mais leve - e ando muito mais bem disposta.

E, claro, como viciada em sandálias, nesta altura ando sempre com os olhos a saltar das órbitas com as novidades das colecções de Primavera!!! PAHAHAH



Fui espreitar o site da Mint & Rose, uma marca espanhola que costuma ir aos mercados da Maria Guedes, e ADOREI este modelo! Lembro-me perfeitamente da minha mãe ter imensas sandálias deste género (que são muito associadas ao estilo das espanholas, pelo menos sempre vi imenso por lá). Que belo regresso!

Não é de espantar, certo? Depois de anos a recuperar peças "da avó", numa temporada onde os anos 90 voltam a ser tendência, em especial TUDO o que as nossas mães usavam, não é de espantar que os modelos de calçado também sejam "revisitados". E, se gostei MUITO do revivalismo das modas da avó, gosto ainda mais de tudo o que está a ser "trazido de volta dos anos 90.

E, só para completar, quero muito usar com... MOM JEANS (& e um oversized blazer).
Remete-me para o estilo "Lady Di", que era muito fã de sapatos rasos e de tacão simpático no seu dia-a-dia. Portanto, modelos com tacão médio baixo (ou médio mesmo baixo, quase a chegar ao raso) e quadradões à frente (em vez de mais arredondados) serão esperados nesta temporada! E, claro, ficarão muito bem. (sou claramente FÃ)



Vemo-nos no Stylista Summer Market, Mint&Rose (mas podem ver e comprar na loja online, aqui).
Dom | 25.02.18

PRIMAVERA? INVERNO? AMBOS!



Está a chegar aquela altura "meia esquizofrénia" chamada de meia-estação. Um dia faz um sol e um calor, no dia seguinte, tapa-se tudo e chove sem parar!! Ainda agora começou, temos qualquer coisa como dois meses de transição pela frente.

Além do sol e o calor serem muito mais apetecíveis que a chuva (apesar desta última, como tão bem sabemos, ser bastante necessária e bem-vinda), ainda temos as lojas a bombar roupa de Primavera e Verão - imaginam quantas sandálias já estão na minha WL? Pois... #ALouca.


Adiante, a pensar em tudo isto, um mix de algumas novidades/marcas que me chamaram a atenção recentemente e que quero partilhar:

1 TRENCH, TOTÊME | Nunca gostei tanto de uma peça da marca como desta. Já há muito que queria um trench bom e oversized. É uma peça que vou usar sempre, que vou gostar sempre, que vale mesmo a pena. E, relembro, a Totême fabrica em Portugal!!


2 CAMISA BOLD LOOP, A-LINE | Por falar em Portugal, aqui está uma das peças na minha WL, estou muito curiosa por experimentar a qualidade e o modelo!


3 CALÇAS JOGGER, ZARA | É uma das grandes novidades da temporada no que toca a tendências, e eu (que tenho cartão verde no que toca a roupa para trabalhar), quero experimentar num conjunto em género deste set.


4 SANDÁLIAS EM CETIM,  UTERQÜE | Claramente um dos modelos de Christian Louboutin para esta temporada está a fazer furor entre as nossas lojas de eleição, e esta "interpretação" da Uterqüe é a minha preferida (so far). 


5 CESTA MARIA AMÉLIA, LA PETITE SARDINE | Bem, como seria de esperar, continuo a aproveitar esta onda incrível das cestas tradicionais serem uma grande tendência de consumo (e, por isso, existir cada vez mais e melhor oferta) para aumentar a minha (modéstia à parte, incrível) colecção. A mais recente (que está a caminho), promete tornar-se logo uma das preferidas!!! #Ansiosa (fiquem atentas ao Insta, que vou mostrar LOGOOOOOO).


6 RELÓGIO, ELETTA & ANEL, JULIANA BEZERRA | Sem grandes novidades neste campo, mas também duas marcas portuguesas que gosto muito (as minhas preferidas para relógios e joelharia, respectivamente).


Sex | 23.02.18

ALTA MODA & MORTE - A PRÓXIMA SÉRIE QUE VAMOS QUERER VER!



Está cá tudo: high school DRAMA, assuntos atuais ("body shame?" ahahah), muitos LABELS no figurino e uma trama algo pesada (aligeirada pelos momentos irónico/cómicos, claramente). Até tem Selma Blair!!!


HEATHERS é um remake da HBO que estreia já no próximo mês, com uma temporada de 10 episódios (de uma hora cada).



Já está na lista de Must See!!
Qui | 22.02.18

ESTA É A PEÇA MAIS COOL EM POLKA DOT



Há uma semana bati com os olhos neste lenço e adivinhem? Saí com ele da loja (Zara, btw). Achei TÃO GIRO. Eu já vi esta ideia de lenços em tecido plissado algures, mas não sei onde. Achei a cor base (off white) perfeita (prefiro que a branco), e a polka dots nem grandes demais nem pequeninas. Gostei! Fica bem em bolsas ou, claro, ao pescoço. Também é perfeito para enrolar numa trança e deixar as pontas soltas.

Qui | 22.02.18

ESTA É A NOVA FORMA DE USAR UM LENÇO





A Gucci propôs este truque de styling no seu último desfile, mas as meninas do street style já andavam a fazê-lo há algum tempo.


Outrora associado a "velhotas da aldeia", numa altura em que tantos elementos tradicionais (por exemplo, as cestas, os sacos de ir ao mercado) são usados em conjuntos e visuais sofisticados e urbanos, especialmente quando combinados com peças que contrastam nesse sentido, seria de esperar que os lenços viessem até à cabeça!

Pensem em Audrey Hepburn, nos anos 50/60:


Com óculos XL ou com os redondos que tanto se usam ultimamente! 


Confesso: adoro ver no street style (e, como imaginam, adorava usar tudo como a Audrey! ahah), mas... Na vida real, creio que não conseguiria adaptar.... 

Qui | 22.02.18

AS TENDÊNCIAS A RETER DO STREET STYLE NA LFW E MFW

Já estamos em Day 2 de Milan Fashion Week, mas só agora tive tempo para ver o street style (e desfiles) de Londres "fora Instagram".

Sobre o street style de ambas, muitas novidades (e algumas surpresas)!!! 



O casaco xadrez ainda está in...

Esta apanhou-me de surpresa!! Não gostei de ver com sock boots e afins (ou seja, no mesmo género de combinações que já vimos nos últimos meses), mas gostei de ver neste look com botas texanas (que, sim!, estão de volta).




BRANCO.

Botins, ténis, sapatos, sandálias? - os pés querem-se pintados de branco. Foi, de longe, a tendência que mais me saltou à vista no street style desta semana.




Fanny time, mas...

Em tiracolo. As bolsas-cinto saem de cena, já as fanny packs ao verdadeiro estilo dos anos 90 voltam, mas não se querem à cintura! Querem-se à tiracolo, assentes no peito. Love it or hate it!




Sport up your life

Fiquei louca com o último desfile de Christopher Bailey na Burberry, com Cara a encerrar o mesmo (sabiam que foi a Burberry de Bailey que a lançou?) e com uma incrível homenagem à LGBT, aliando dois ícones em peças absolutamente irresistíveis: o xadrez da marca ao arco-íris. Quero tudo!!!
Bem, isto foi uma nota à parte (mas que fique registado que o xadrez está a bombar novamente até o calor se fazer sentir).


As calças de fato-de-treino - em algodão bem largas ou com as riscas de lado VOLTARAM EM FORÇA. Não podia gostar mais desta tendência - confortável e dá para misturar com peças mais tailored, é tudo o que gosto de fazer!




Vamos falar de calças?

Estamos finalmente num ponto de viragem no que toca a calças - esqueçam tudo o que sabem (usam!) e preparem-se. Acho que É DESTA que regressa o flare de vez. Pode ser em calças compridas ou acima do tornozelo.

Depois, novas versões de culottes. As tais de fato de treino.


Zero skinny, zero mom jeans.


Vamos ter muitas novidades desta secção em breve, aposto!! Muitos modelos por explorar, muitas febres por vir. 




Life in plastic

Contra tudo o que previa, gosto! Gosto do mood plastic, que Chanel tão bem desfilou (e nem sequer gostei na altura). Até destes panamás, dos para-ventos da Trafaluc, do saco da Céline. LOVE IT ALL. E vocês?




Outras tendências a anotar: 

- Vestidos midi, com padrões.

- O laranja bem vivo!

- O verde tropa.


E o regressos das bolsas como o statement de um conjunto! Os sapatos querem-se brancos, ou mules, ou ténis (do pai, já sabemos), mas o foco está na bolsa. Cores, formatos, padrões. Sair da caixa!!! Não existem "it-bags" a apostar - o vosso gosto e criatividade devem guiar a escolha. 

Qua | 21.02.18

TRABALHO EM MODA, LOGO SOU FÚTIL



É o escândalo da semana. O Observador fez um artigo/reportagem sobre o "desaparecimento" da empresa tão conhecida no mundo dos blogs/imprensa digital "Chic by Choice". 

Claro que sendo eu uma "pessoa digital" (profissional e pessoalmente), fui ler com bastante curiosidade. E, antes de mais, este post não é sobre o artigo. Até porque não consigo ter uma opinião formada. Fui contactada e estive lá em Novembro a experimentar vestidos para um casamento e foi o único contacto que tive com a empresa. Não sei grande coisa do antes, do durante nem do depois, e o Observador não conseguiu testemunhos nesse sentido (e que pena ninguém "oficial" ter nada a dizer, nem depois do artigo ser publicado), apenas recolha de factos por investigação ("apenas" como quem diz).



Adiante, claro que isto foi comentado em todo o lado. Entre amigas, entre profissionais, nas redes sociais. E, claro, não resisti a ler os comentários ao artigo e nas redes sociais do Observador. E é aqui que bate o ponto (e, por ponto, entenda-se este post).

Além do "com certeza que são umas filhinhas de papás com bons padrinhos"; o segundo tipo de comentário que me saltou à vista foi "mas quem é que empresta dinheiro para uma empresa de vestidos??" ou "realmente, alugar vestidos é mesmo algo que é preciso".

E foi aí que me saltou a tampa. E me saltou uma asneira que estou a fazer um esforço gigante para nem colocar por escrito. É aquela que começa por F.



Tenho este blog desde 2009 (mesmo tendo formação superior na área de Gestão) e, desde aí que, pouco ou muito, tenho trabalhado na área da Moda e Beleza. Aliás, nos últimos anos, tenho o privilégio de trabalhar a 100% na área. E, se vocês (leitoras que trabalham em outras áreas), SONHASSEM quantas vezes levamos com este tipo comentários. Nem que estes sejam não verbais - sentimos aquele olhar, aquele estigma. Quem tem um blog, então! GEEZ. Pobres coitadas que só sabem falar de trapos e gastar o dinheiro todo em compras. Que só se sabem ver ao espelho.

People, please STOP doing this!!!!


Eu, ao longo destes 30 anos (mas contando apenas os últimos 15, nos quais tive discernimento para este tipo de conclusões), já conheci pessoas muito fúteis e pouco fúteis. Interessantes e desinteressantes. Querem que eu vos diga de que área são? Nem vale a pena, sabem porquê? PORQUE NÃO TEM NADA A VER. Interesse e desinteresse há em todas as áreas. Futilidade e deslumbramento, também. Oh, se há!


E depois... Que mal tem criar um negócio de aluguer de vestidos? Se fosse de aluguer de carros fazia mais sentido? Porquê? PORQUÊ? Porque é que tudo o que está ligado à Moda (e, em parte, à Beleza) tem de ser automaticamente uma coisa sem importância?


A maior parte das pessoas (felizmente) preocupa-se com o que veste, todos os dias. Gosta de se vestir, de se arranjar, de se sentir bem. E sabem todo o trabalho que está por trás disso? Acham que os moldes e as peças se criam, cortam, distribuem e vendem sozinhos? Porque é que tem de ser "um disparate", uma cena de miúdas parvas sem nada na cabeça? (já nem vou abordar o estigma em relação ao que se diz dos homens, que isso faria esticar muito mais este post). 


Mais do que me revoltar e enervar (que, claramente, também faz), o que este tipo de comentários me dá mais é pena. Porque, se pensarem bem, the joke is on you, pessoas que ainda não atingiram que esta é uma área que mexe não só muito dinheiro, mas também (e aqui bate o ponto) com muito talento e inteligência.

Pág. 1/4