A importância de ser... Actual!

terça-feira, novembro 15, 2011

Muito se discute em blogues, sites, revistas e livros sobre estilo pessoal: artigos, fotografias, dicas, shopping, é o que não falta sobre o tema. Mas ao mesmo tempo que se ajuda o leitor a atingir um estilo pessoal, indica-se (quase) sempre que se pisque o olho às "tendências da estação". Isto pode parecer um contra-senso, mas não é bem assim.

Existirá sempre o escravo das tendências, quem viva em busca de "outfits-statement"... Nem que para isso ignore a sua fisionomia, ou o seu próprio gosto, e que viva 150 personagens diferentes ao longo do ano. Mas isto é um extremo. Um estéreotipo quase ultrapassado...

Mas, e bem diferente deste ultimo caso, creio que se impõe nos dias de hoje ser actual, não ignorar o factor 'tempo'. Para isso vale cada leitura, cada site, cada livro, cada revista - toda a inspiração é pouca no que toca a manter um estilo próprio e, ao mesmo tempo, actual.

Eu não gosto - por exemplo - da ideia de comprar uma peça a pensar "nesta estação". Não gosto. Para comprar uma peça tenho que gostar, tenho que achar bonita, e tenho que gostar de me ver com ela - até pode ser que mude de ideias, mas nunca compro algo a pensar que vou deixar de usar "daqui a uns meses". E gosto imenso de usar peças que tenho há anos - sou uma nostálgica! No entanto não deixo de fazer uma escolha no guarda vestidos entre o que é actual e o que não é (atenção: vale guardar!!!). Há peças que são sempre actuais, mas há outras... Que não! Não tem, só, a ver com tendências e moda, é parte da evolução.


E hoje em dia é essencial, não só, saber a actualidade, mas também 'mostrar' actualidade! 

You Might Also Like

9 comentários

  1. Não podia estar mais de acordo! O intemporal é sempre atual!

    ResponderEliminar
  2. Eu gosto de pensar no hoje e no amanha, defeito de personalidade que me acompanha na escolha da roupa.

    Confesso que reciclo pouco entre 3 a 4 estações e que me apaixono com facilidade, mas tendo a ser ponderada: "isto fica-me mesmo bem?"

    Beijo

    ResponderEliminar
  3. Pois, eu cada vez mais opto por fazer as minhas compras de forma sustentada e coerente com o que eu, realmente, uso :) E até considero que não tenho muita roupa, simplesmente porque uso grande parte das minhas peças até a exaustão e depois quando preciso compro. Coisa contrária acontece com os sapatos: tenho imensos mas lá está, opto por comprar calçado imtemporal para depois não ficar de lado como uns sapatos com padrao tigresse que quanto a mim já não estão actuais principalmente por causa do salto e do formato do sapato :)

    ResponderEliminar
  4. concordo contigo, normalmente penso sempre muito antes de comprar, penso na quantidade de vezes que vou ou não utilizar aquela peça e se me vai ser mesmo útil, se me vai durar para os anos seguintes.

    ResponderEliminar
  5. Concordo imenso, nunca compro só per ser "fashion". Normalmente compro algo com que me identifico e de que gosto e, por vezes, a minha mãe diz-me 'isso daqui a um ano já está fora de moda' e a única coisa que lhe digo é 'a moda é feita pelo estilo de cada um'. E pronto, é assim :)

    ResponderEliminar
  6. Acho que vem com idade e experiencia. Comprar menos e melhor sem dúvida.

    ResponderEliminar
  7. Concordo. Estou cada vez mais "piquinhas" com a qualidade dos tecidos, dos acabamentos... isto de estar fora à custa dos pais pesa-me no coração porque não lhes quero fazer demasiado peso (morto) na carteira...:S

    Outra coissuposto contra-senso engraçado hoje em dia é que usar vintage é taaaaao actual!:D



    ****sara
    chips-ina-fishbowl.blogspot.com

    ResponderEliminar
  8. não podia concordar mais, muito bem escrito :D

    ResponderEliminar
  9. Bom post. Concordo contigo. É quase impossivel manter essa aparencia das tendencias sempre e para mais eu adoro vestir o que me dá "na gana". Anda muita inspiração por ai por isso inspiro-me... e isso do guardar...bem...nem queria acreditar quando encontrei umas saias lindissimas plissadas da minha mae, poupei uns euros valentes. :) beijinho

    ResponderEliminar

Obrigado por comentarem!

PORTAL