Opinião: Beleza-moda

terça-feira, setembro 07, 2010

Quando estive em Paris estava em conversa com um amigo, que carreguei para correr os Lafayettes e os Printemps, e em tema de compras (e do facto dele estar sem paciência para ir ver roupa - grande novidade esta dos homens não gostarem de andar a ver roupa de mulher lol) estava a perguntar-lhe se a namorada dele nunca lhe fazia destas (visto que o meu namo já nem vai ao cinema comigo com medo disso mesmo), ao que ele responde que não, que ela era muito prática, muito simples - ténis, calça, tshirt!

Mas depois disse - Olha havias de gostar de conhecer uma amiga minha, que se veste mesmo muito bem, e é mesmo muito elegante! Ela é assim um pouco feia, é por isso que se arranja tanto...

Huuuum

Fiquei mesmo a pensar neste assunto... Será que o facto de as pessoas não serem magras/bonitas faz com que desenvolvam (mais cedo ou mais depressa) todo aquele hábito de andarem sempre arranjadas, sempre "bonitas"?

É porque a minha resposta foi - Pois, eu também desde cedo que me preocupo tanto por isso mesmo!

Bershka in Dresses, Bershka in Bags and Stradivarius in Oxfords / Derbies

A verdade é que eu fui Maria Rapaz até aos 13, 14 anos mas a partir daí comecei a preocupar-me bastante com a imagem... Não só falo de roupas, mas também com acessórios, e com cabelo (não usava maquilhagem na altura).

Mas outra verdade é que amigas minhas (mais bonitas/magras) começaram a ter esse cuidado antes de mim... Nesse aspecto tive sorte com as amigas, foram óptimas influências! (;

Haverá uma correlação entre uma pessoa ser bonita/magra e o seu sense of style?

Se sim, qual?

Se eu fosse mais bonita, mais magra, mais alta (e, no meu caso, com menos acne, com cabelo decente, etccccc) tinha começado a cuidar-me mais cedo? Ou a cuidar-me mais?

Walking around the stonehenge

E a confiança em nós próprios? Será que é isso que influencia verdadeiramente?


Para mim mais do que uma pessoa ser bonita, magra, alta, etccc, o importante é a auto-confiança! Se uma pessoa tem confiança em si própria sente-se à vontade para vestir aquilo que gosta, e que sabe que lhe fica bem... Não há nada como a auto-confiança, e o auto-conhecimento, para sabermos quais os nossos pontos fortes, e os nossos ponto fracos e usá-los a nosso favor!

E claro que no meu caso, com acne, mau cabelo, kilos a mais, era um pouco difícil ter auto-confiança! Mas depois comecei a ver que quanto melhor me vestia, se desse um jeito ao cabelo antes de ir para a escola, se pusesse uma franja para esconder a testa (e as borbulhas)... Melhor ficava! Se melhor ficava, mais confiança tinha...

E nada melhor para aumentar a confiança que temos em nós próprios do que arranjarmo-nos... Ter o cabelinho arranjado, uns bons óculos de sol, uns jeans que nos assentem bem, e um vestido que nos fique a matar - só assim já está o trabalhinho quase feito!!



E vocês o que acham?

(imagens: Chicisimo)

You Might Also Like

14 comentários

  1. Eu sou alta, gorda, uso óculos, e na minha adolescência tinha imensas borbulhas.
    Nunca tive confiança e até já fui gozada na escola por ser alta, gorda e não ter voz fina.
    No entanto não me considero feia. Sei que sou vistosa e sei que se me arranjasse mais e fosse mais magra, seria, talvez, uma rapariga interessante.
    Mas sim, nos sentimos sempre mais bonitas e confiantes quando vestimos uma coisa que não seja apenas jeans e top (que é o que normalmente uso por não ter paciência para compras porque tudo me fica mal).
    Bjus
    Kat

    ResponderEliminar
  2. Eu só me lembro de mim a gostar de moda e a escolher a minha roupa e acessórios! Sempre fui magra, felizmente não sofri de borbulhas, tive sempre o cabelo muito liso e fácil de dominar e auto-confiaça qb! Será uma correlação?

    ResponderEliminar
  3. Eu acho que não existe correlação, pois o ser humano não permite que se diga se isto é assim , então são todos assim por causa disto...

    Eu também escolhia sempre a minha roupa, mas era mesmo maria-rapaz... Não ligava nenhuma ao cabelo, nem a nada mais... Era um terror!! lol


    Ha, mas sempre gostei de malas! Esqueci-me de escrever isso no post... Desde o infantário (!) que tenho esta nóia!! Mesmo quando era maria-rapaz já tinha mochilas e carteiras de babar!!! (;

    ResponderEliminar
  4. Nem pensar. Na minha opinião não tem nada a ver uma coisa com a outra. Acho que é apenas gosto pela moda e ter interesse por tal. eu sou alta e uma pessoa normal (não sou feia, mas também não tenho uma beleza daquelas) mas tenho noção que se me arranjasse mais, estaria melhor. Penso que é uma questão de gostos que as pessoas podem ter.

    ***

    ResponderEliminar
  5. Eu acho que não tem necessariamente que ver uma coisa com a outra. Penso que estará mais relacionado com aquilo que nos habituamos a ver enquanto cresciamos, se as pessoas à nossa volta se cuidavam, o tipo de ambiente, etc.
    Mas claro que também depende muito da pessoa.

    ResponderEliminar
  6. Eu sempre fui super vaidosa e arranjada. Desde a primária. Claro que o sentido de estar "arranjada" hoje em dia nada tem a ver com aquilo que usei até aos 18 anos... Acho que ser vaidosa (no bom sentido) é aquilo que nos faz querer andar sempre arranjandinhas para termos sempre a nossa auto-estima no sítio.

    ResponderEliminar
  7. Vee: trouxeste outra perspectiva, e devo dizer que concordo muito com aquilo que disseste... É muito importante as pessoas e o ambiente que nos rodeiam! Sem duvida... No fundo acho que é todo um conjunto de factores, de entre os quais está a beleza, a auto-confiança, o ambiente à nossa volta, e a educação que nos dão.

    Mica: Ri tanto agora a ler o teu coment, é que eu mesmo quando era maria-rapaz era super vaidosa!! Só que era horrível... Realmente, antes dos 18 NÃO CONTA hahahaha


    Beijinhos a todas

    ResponderEliminar
  8. Eu acho que não existe uma regra, vai muito de pessoa para a pessoa. E com certeza o que é mais importante é a pessoa ser feliz do jeito como ela é, e ter auto-confiança nela mesma.. O resto o tempo conquista! Mas claro, essa é a minha opinião :)
    Beijos, Gabi

    ResponderEliminar
  9. Isso de ser feia ou bonita é muito subjectivo. O que interessa é que aos nossos olhos temos de parecer sempre bonitas, cuidar de nós e gostar do que somos. Eu passei uma adolescência difícil. Peso a mais, borbulhas a mais, popularidade a menos:) Mas com a idade fui percebendo como a roupa e a maquilhagem podem fazer milagres por qualquer mulher e tentanto sempre destacar o que tenho de melhor. Tens razão, a auto-estima é muito importante:) bj!

    ResponderEliminar
  10. Isto de Beleza e Moda é muito relativo.
    Há pessoas muito bonitas mas que se vestem mesmo muito mal e isso desfavorece um bocado porque não realça realmente a beleza da pessoa.
    Acredito que pessoas não tão bonitas se esforçem por parecer bonitas, vestindo-se minimamente bem e usar um pouco de maquilhagem.

    Sobre mim, olha tenho dias para tudo. Ora estou desportiva, ora estou mais casual, ora estou mais formal. Visto-me conforme me apetecer. Se num simples dia de ir à escola ou ao médico ou estar com os amigos me apetecer aparecer vestida como se fosse alguém importante, vou!
    A maquilhagem está sempre presente. O básico é mesmo um eyeliner todos os dias. Umas vezes mais carregado que outras. Rimel, só esporadicamente...mas as saídas à noite estão incluidas. A base, ponho de vez em quando, quando acho que a minha carinha está um pouco 'manchada' (tipo hoje)...e nao falo de borbulhas porque não tenho isso (já passei por essa fase. Se aparecerem, é uma ou outra só de passagem). E quanto a sombras e outros afins, não uso muito. Opto mais por uma maquilhagem simples.

    ResponderEliminar
  11. Eu também adoro malas desde cedo, guardo a minha primeira religiosamente! Que me foi oferecida pelo meu padrinhoquando eu tinha 3/4 anos. E agora lembrei-me que é um assunto giro para um post.
    E também concordo plenamente com o que a Vee disse pois a minha mãe, tia e avó também gostam muito de moda e trocam (quase) sempre de carteiras para cada roupa =P

    ResponderEliminar
  12. na minha opiniao acho que nos so nos começamos a arranjar mais quando queremos impressionar alguem (amigas, namorado, rapazes...)
    mas acho que tambem depende da auto confiança das pessoas, se "se acham as maiores nao se preocupam tanto com a imagem" nao sei, penso que está errado e que todas nos somos vaidosas.

    ResponderEliminar
  13. penso imensas vezes nisso, e tenho imensas teorias! mas uma delas é essa mesmo

    ResponderEliminar
  14. Moda das gabardines para a próxima estação Outono/Inverno

    Tudo em http://alimentacao-beleza.ocasiao.pt

    ResponderEliminar

Obrigado por comentarem!

PORTAL