Inspirações...

quinta-feira, agosto 27, 2009

Ninguém nasce com a capacidade de "estilo", todos temos que procurar inspiração em algum lado...

Revistas...

Revistas de moda como ELLE, VOGUE ou VANITY FAIR, mas também revistas de Gossip

Filmes...

Filmes como Marie Antoinette, Confessions of a Shopaholic, Breakfast at Tiffany's, ou The Devil Wears Prada são o perfeito exemplo de que podemos recorrer a vários tipos de filmes: bio's, comerciais, clássicos,...


Series...

Cada vez existem mais variedades de séries, sendo que Gossip Girl, The OC, The Hills ou Sex and the City são apenas 4 das muitas series em que se podem tirar dicas preciosas.

Rua...

Muitas revistas de moda estão a adoptar a perspectiva de ir às ruas e ver o que as pessoas realmente usam. Podemos observar no nosso dia-a-dia, ler nas secções das revistas que já adoptaram estas secções, ou espreitar os vários blogues que têm surgido nessa área.

(Imagem retirada de girldir.com)

Celebridades...

As celebridades têm sempre aquele "brilho" e imagem quase que perfeita que nos inspiram, no entanto as expectativas devem ser reais - nem todos temos personnal trainners/shoppers/stylists/hairstylists bla bla

It girls...

Quem acompanha a vida das inúmeras it girls do planeta sabe bem que estas são das melhores inspirações não só a nível de estilo, mas também de comportamento, carreira, ...

Ícones...

Audrey Hepburn, Jackie O., Grace Kelly, entre outras, são chamadas ícones de estilo por algum motivo - demonstram na perfeição que um verdadeiro estilo sobrevive ao tempo.


Dicas importantes:

  • Devemos-nos inspirar à nossa medida - adaptar o que gostamos ao nosso orçamento, à nossa figura, ao nosso estilo pessoal.
  • Devemos ter atenção ao bonito e ao feio - não só ver o que gostamos, mas também o que não gostamos.
  • Devemos lembrarmos-nos de que é sempre da nossa imagem que se tiram as primeiras impressões sobre nós - não devemos tentar, em vão, mostrar que temos mais que aquilo que na realidade temos, essa sim é a pior imagem que podemos dar.
  • Devemos ser realistas, lidar com o que temos, e adaptarmos o que gostamos ao nosso estilo - de que nos serve uma boa toillete se esta não reflecte o nosso "eu".

You Might Also Like

0 comentários

Obrigado por comentarem!

PORTAL